English French German Spain Italian Dutch
Russian Portuguese Japanese Korean Arabic Chinese Simplified

.: Um Gole De Ideias :. -> Dois anos no ar!

.: Alexandre Lopes :.
.: Fabrício Pacheco :.
.: Gleidson Quintella :.
.: Jonatan Bandeira :.
.: Lucas Ragazzi :.
Ocorreu um erro neste gadget

segunda-feira, 26 de julho de 2010

OFF


Hoje, quero estar off do mundo. Desliguei meu celular. Não quero ler absolutamente nada. Tomei meu Rivotril e estou caminhando a passos largos para meu universo particular. Nem meus próprios pensamentos cabem em mim nesse momento de revolta contra tudo.

Aos amigos, com carinho, peço que me deixe submerso na forja da minha pseudo-paz. Hoje é segunda. O Dia Internacional do Desespero. Muita gente morre de infarto nas horas inicias desse fatídico dia. Quero ser apenas um corpo que vaga por ruas desertas sem atenção para nada.

Não quero ouvir músicas, jogar Paciência, encontrar conhecidos. Quero apenas estar distante, indisponível. Ser nada mais que uma massa de gordura e pêlos que apenas respira. Abrir mãos dos sentidos, dos devaneios, das aspirações. Estar deslogado das conexões ao redor. Não ser mais eu.

Espero que esse vício de dizer adeus a si mesmo me deixe essa noite. Estou com dificuldade até para escrever esse texto. Preciso somente de mais algumas linhas. Gosto que meus parágrafos tenham o mesmo tamanho. Esta aí outra coisa que preciso abandonar por hoje: a forma.

4 comentários:

  1. E o seu celular tá mesmo desligado... Vou dizer ao narrador que a angústia também me faz refém às vezes. Já postei aqui algumas manifestações disso também. O que não diminui nem enaltece o tema... mas retrata um momento comportamental histórico de nossa sociedade.

    Bom texto, amigo!

    ResponderExcluir
  2. Você está com uma liberdade triste; mas chama-se liberdade.
    Você tem um corpo livre, sim. Você tem ruas sem destino, sim. Você pode desviar das pessoas, sim. Você tem essa liberdade rotineiramente!Mas para sentir o seu sabor então você permite-se ficar preso. Agora você está em puro êxtase, comungando de um honesto maná. Você está sendo TUDO ao forçar-se ser NADA.
    Existe uma espécie de status esquisito – mas honesto - nisso tudo. Caio Fernando Abreu chamava de “SENTIMENTO DE GLÓRIA INTERIOR!” e esse sentimento é fatal para nossa salvação diária, meu caro!Mas - mas cuidado para que isso não vire uma auto-anulação – não há nada de glorioso nisso. A linha é tênue demais...
    Permita-se,querido.Permita-se essa perca e farte-se do breu.


    De repente eu me vejo
    Amarelada, bobeada, sem ninguém
    Nessas horas aparece a preguiça
    A vontade de sumir... De vez
    Se me der na telha sou capaz
    De enlouquecer
    E mandar tudo praquele lugar...
    ( Shangri Lá - Rita Lee,Roberto de Carvalho )

    ResponderExcluir
  3. Apesar de preocupado demais para comentar esse gole, encarei-o como OFF na virtualidade e vou aqui deixar as minhas impressões.

    Primeiramente, espero que este Gole não seja notícia de jornal, rsrs: que vc tenha tomado a dosagem certa de Rivrotril).

    Lembra daquele menino em um texto seu que nas últimas linhas... Xi! Abotoou o palitó?! Então, vi você nele... mas vc o terminou, até pq como postaria o texto depois de sucumbido, neh!? rsrs

    Enfim... Nossa vida precisa realmente de um Off as vezes... sabe!? tipo pra fazer um balanço para que no próximo mês o mercado emocional prospere ainda mais... Sabe aquele controle remoto universal do Click?! Eu sei que vc comprou um... e vai me emprestar!!!

    hehe...

    Adorei o gole... até pq eu acreditei nele (jesus!!!)... rs

    Aguardo ansiosamente pelo próximo gole e pelo sinal de rede do seu celular. rs

    Abração!!!

    ResponderExcluir
  4. Muiito legal o seu blog...
    Na maioria das vezes estou off mais sem a intenção, rsrs
    Estamos te seguindo segue a gente lá http://digosempensar.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Muito obrigado pelo seu comentário (dose)!

Related Posts with Thumbnails